terça-feira, 29 de setembro de 2015

Elogios

É mais fácil acreditar nas críticas do que nos elogios.
É mais fácil ver o negativo do que o positivo.
É mais fácil desistir do que lutar.
É mais fácil ceder.
Há uns anos tive que recorrer a medicação para ultrapassar um baixo que deixei prolongar por demasiado tempo, por comodismo e fraquezas. Por seguir os padrões. Resultado final: andei meio ano meia zombie e não resolvi nada até que decidi tomar uma posição.
Agora estou a um passo de voltar à medicação, em consciência. Sei o que deveria fazer, sei o que quero fazer e sei bem o limite do que posso fazer.
Envelhecer é uma treta. É fácil deixar os anos passar. Difícil é assumir responsabilidades e mantê-las custe o que custar. Custe o meu orgulho e um bom bocado do meu amor próprio. Mas já não sou só eu. Difícil é escolher um mau caminho por ser o menos mau. Difícil é calar o coração e dar apenas ouvidos à razão. Difícil é cometer um erro, sabendo que se está a errar e que estamos a dar mais um passo na direcção oposta... Mais um passo num caminho que tão bem sei onde irá dar e ainda assim, não ter escolha e ser animal acossado e seguir por aí. Difícil é saber isto tudo e manter o sorriso que cada vez mais apaga o brilho do olhar.