sexta-feira, 29 de maio de 2009

Feels like flying!

Foto: Google
Porque é sexta-feira! Porque parece Verão! Porque perdi a cabeça nas compras! Porque estou apaixonada! Porque posso reinventar-me! Porque é a vida a cada dia que passa! E porque sabe bem sentir borboletas no estômago e sorrir!

terça-feira, 26 de maio de 2009

An Irishman's philosophy

There are two things to worry about:
either you are sick or you are well.
If you are well there's nothing to worry about.
If you are sick there are two things to worry about:
either you will get bet better or you will die.
If you get better there's nothing to worry about.
But if you die, there two things to worry about:
either you will go to heaven or you will go to hell.
If you go to heaven there's nothing to worry about.
But if you go to hell you'll be so busy shaking hands with friends you won't have time to worry.


Não faço ideia quem é o autor.
É algo que li há já muitos anos - acho que a "culpa" foi da Jé - e que de facto cada vez mais me faz sentido. "Why worry?" A vida é simples de viver, não há necessidade em complicar.

sexta-feira, 22 de maio de 2009

Eu sei que ainda não vi tudo

quando vejo uma excursão de japoneses na estação de metro das Olaias a apreciar a estrutura arquitectónica da mesma.

Nota: Presumo que era o que estavam a fazer, pois a guia ia apontando e eles olhavam do tecto para as paredes e das paredes para o chão.

terça-feira, 19 de maio de 2009

Sabedoria

Hoje o sono deu em atraso. Televisão ligada num programa matinal e uma criança de 4 anos a ser entrevistada.
- Partiste o dente?
- Sim.
- Foi um grande trambolhão, ficaste bem?
- Ainda tenho mais dentes para partir!
A gargalhada da manhã.

Quando caio a preocupação é quase sempre não voltar a cair! Será que não devia ser antes saber o meu limite para o número de quedas?

segunda-feira, 18 de maio de 2009

Me, myself and I



Há sempre aquele dia que é meu. Aquele em que coloco o letreiro "fechado". Aquele em que pego em mim e me levo a passear. Levo-me às compras e me mimo! Compro-me tudo aquilo que me apetece, desde que a carteira o permita. Levo-me a lanchar a uma óptima esplanada frente ao mar na companhia de um gelado de maçã verde e limão. Vou passear comigo à beira mar, sentir a areia e a água gelada! Levo-me a jantar a uma marisqueira que eu adoro e depois vou comigo ao cinema ver aquele filme que eu queria mesmo. É um dia que podia ser outro, mas é um dia que de vez em quando me devo!

quarta-feira, 13 de maio de 2009

Deixa...

Deixa o amor ser cego. Deixa que ele te impeça de ver as minhas pequenas falhas. Deixa que ele te cegue aos meus defeitos, que não sejam mais do que traços de feitio. Deixa o amor ser surdo às palavras que digo sem sentir e sem sentido. Deixa ser o coração a iluminar a verdade do que sinto por ti.

segunda-feira, 11 de maio de 2009

"E não será o amor, que uns aos outros nos devemos, o mais importante, entre todos os deveres?"


- Queres ir ao teatro?
- Ver?
- É uma peça de Mário Cláudio. Um colega é o encenador e convidou-me para ir ver. É na Junta de Freguesia de São João.
- Está bem, vamos.
E fui, aliás fomos. Espectáculo. Adorei. Noite de Sábado bem aproveitada em óptima companhia.
Acho que gostei tanto porque ri e chorei. Admito que não sabia bem o que esperar, mas fiquei rendida à história e aos desempenhos que encheram o palco.
Obrigada por te teres lembrado de me convidar.

quinta-feira, 7 de maio de 2009